Últimas

PDT suspende Gil Cutrim, Tabata e outros 6 que votaram a favor da Previdência


A punição aplicada impede que os parlamentares "falem em nome" do PDT ou utilizem a estrutura da legenda.



O Diretório Nacional do PDT anunciou hoje a suspensão provisória do deputado federal maranhense Gil Cutrim, além da deputada federal Tabata Amaral e outros seis integrantes da bancada do partido que votaram a favor da reforma da Previdência contrariando a orientação do partido.

Junto com Gil Cutrim e Tabata, foram alvo da suspensão de de processos disciplinares os deputados: Alex Santana (BA), Subtenente Gonzaga (MG), Silvia Cristina (RO), Marlon Santos (RS), Jesus Sérgio (AC), e Flávio Nogueira (PI).

De acordo com Carlos Lupi, presidente da legenda, a punição aplicada hoje impede que os parlamentares "falem em nome" do PDT ou utilizem a estrutura da legenda. O líder na Câmara, André Figueiredo (PDT-CE), será orientado a pedir a retirada dos dissidentes das comissões na Casa.


Nenhum comentário

Os comentários serão moderados antes de serem publicados.